Caio Prado Junior História e Sociedade

Caio Prado Junior
História e Sociedade

Apresentação

A Contemporaneidade do pensamento de Caio Prado Júnior

No ano de 2010, em outubro, o CEMARX da Universidade do Estado da Bahia – Uneb, e o Instituto Caio Prado Jr. – ICP, iniciando uma parceria institucional de grande importância para a pesquisa social, realizaram um seminário sobre A contemporaneidade do pensamento de Caio Prado Jr., que ocorreu na PUC/SP.

Contamos nesse seminário com o apoio do NEILS – Núcleo de Estudo de Ideologias e Lutas Sociais, através da participação dos professores Lúcio Flávio Rodrigues de Almeida e da professora Angélica Lovatto.

Com a presença de intelectuais e pesquisadores que contribuem para a compreensão da sociedade brasileira e apreende o legado caiopradeano, o seminário fez um balanço rigoroso e original do pensamento de Caio Prado Jr.

Militante político e intelectual destacado Caio Prado Jr. deu uma grande contribuição para a interpretação marxista da formação social brasileira e, nesse evento, teve as suas contribuições para o desenvolvimento de uma nova ótica sobre a nossa sociabilidade analisada, assim como do processo de objetivação do capitalismo no Brasil. Ao mesmo tempo foi discutido a pertinência da contribuição caiopradeana nos tempos hodiernos.

Para além dos autores que participam deste livro, nesse seminário fizeram comunicações os professores Antonio Carlos Mazzeo (UNESP), Lúcio Flávio Rodrigues de Almeida (PUC) e Rodrigo Ricupero (USP).

Os trabalhos aqui inseridos discutem as questões do caráter da formação social brasileira, o sentido da revolução brasileira, Caio Prado como intérprete original do marxismo no Brasil, sobre a temática do socialismo, os primeiros passos sobre o percurso político de Caio Prado numa perspectiva biográfica, uma análise comparativa entre Caio Prado e o pensador peruano, José Carlos Mariátegui, a respeito da questão  do imperialismo e a burguesia nacional, e por fim a questão dos movimentos sociais e a reforma agrária

O seminário sobre o pensamento de Caio Prado Jr., realizado pelo Cemarx da Universidade do Estado da Bahia, na PUC em São Paulo, contou também na coordenação do evento, com a participação do professores Antonio Carlos Mazzeo e Sofia Manzano, ambos da direção do ICP.

Esse seminário serviu de base para a organização do livro que ora apresento. Acrescentei ainda, a contribuição de alguns outros intelectuais e professores, especialmente convidados a refletirem, a partir de suas experiências acadêmicas e políticas, sobre a questão que nos foi levantada como objeto do seminário: Analisar a contribuição da obra de Caio Prado Jr. para a interpretação e transformação do Brasil.

Tanto o seminário quanto o presente livro, não pretendem esgotar o conjunto das reflexões e pesquisas sobre esse rico tema, a obra do historiador e militante do Partido Comunista Brasileiro (PCB), Caio Prado Jr., suas conseqüências e contribuições para as lutas dos trabalhadores brasileiros.

Esperamos, assim, que as ricas e plurais análises sobre a temática em questão, maturada pelo tempo, constituam uma literatura que enriqueça o debate acadêmico e contribuam para alavancar as lutas sociais, em especial as luta de classe.

Gostaria ainda de registrar que além da contribuição dos professores citados, que coordenaram comigo o seminário, contei com o esforço da equipe do Instituto Caio Prado (ICP). Por fim, registramos a grande contribuição e apoio fundamental da Universidade do Estado da Bahia (UNEB) para a publicação desse livro, sem a qual não teríamos este instrumento coletivo de socialização de pesquisas e reflexões, ou seja, de socialização do conhecimento enquanto práxis transformadora.

Prof. Milton Pinheiro.

Coord. do Cemarx-Uneb.